The Son – Episódio: The Plum Tree

No passado domingo 7 de maio, às 22h10, emitimos The Plum Tree, o segundo episódio de The Son.

Um flashback a 1849, o jovem Eli voa por um ermo. Um Comanche persegue-o a cavalo e manda-o ao chão.

No presente, Eli vai até ao local do petróleo, que ardeu, e promete que irá construir um novo anel. Ordena a Phineas que procure mais dinheiro, por parte dos bancos. Phineas sugere que eles podem gerar mais dinheiro vendendo algumas terrras, mas Eli recusa.

SON_102_VR_0716_0088-RT

Tom está de guarda a um dos celeiros do Rancho McCullough. Jeannie tenta entrar mas ele pede-lhe que vá embora. Dentro do celeiro, Cesar está amordaçado e pendurado pelos braços.

Em 1849, o Comanche tenta atirar Eli para uma fogueira como castigo, por ter tentado escapar. Prairie Flower, uma das mulheres Comanche, cospe-lhe na cara. Eli em pânico com a aproximação das chamas aos seus pés. Toshaway por fim, tira-o do fogo.

Na casa dos García, Ana diz a Maria que Cesar não voltou a casa, na noite anterior.

SON_102_VR_0714_0295-RT

No celeiro, Eli interroga Cesar acerca do fogo  e bate-lhe com um bastão. Cesar permanece em silêncio.

Maria visita o Xerife Graham acerca do desaparecimento de Cesar e nega o envolvimento do filho na destruição das torres de petróleo de Eli. Acrescenta ainda que muitos votantes naquela zona são Mexicanos e ameaça-o com a fúria dos mexicanos no caso de ele se recusar a investigar o desaparecimento de Cesar.

Eli continua o interrogatório a Cesar sobre as atividades dos Sediciosos. Cesar mantém-se em silêncio. Eli volta a bater-lhe com o bastão.

No lado de fora, Pete pergunta-se quanto tempo mais irá Eli torturar Cesar. O Xerife Graham direige-se para casa. Pete sugere que entreguem Cesar ao Xerife, mas Eli diz que a lei não os vai ajudar.

SON_102_VR_0712_0303-RT

O Xerife confronta Eli sobre o desaparecimento de Cesar, mas Eli faz de conta que não sabe de nada. O Xerife Graham admite que a única razão pela qual está a investigar o desaparecimento de Cesar é porque precisa dos votos dos Mexicanos nas próximas eleições. Eli oferece-se para doar 200 dólares para a campanha do Xerife.

Maria mostra a Pedro alguns papeis que estavam na secretária de Cesar, que mostram a traição às suas atividades rebeldes. Pensado que Pedri já sabia das atividades de Cesar, ela pergunta o que irá acontecer a seguir. “Toma conta da tua irmã”, diz Pedro.

Pete solta Cesar e avisa-o para pensar bem no impacto que teria a sua morte para a familia. Também lhe pergunta quem tem andad o a roubar o gado e propõe-lhe deixá-lo e à sua família ir, em segurança, para o México, se ele lhe der as informações. Cesar recusa-se a acreditar em Pete.

SON_102_VR_0714_0031-RT

Na casa principal, Phineas assegura a Sally que eles vão construir uma nova torre de petróleo. Sally confessa o desejo que tem de vender as terras  mudar-se para outra cidade. Phineas diz-lhe que ela é a base da família. Sally dá-lhe um abraço e os dois riem depois de ele dizer em tom de brincadeira que casou com o irmão errado.

Eli encontra-se com Pedro no bosque. Pedro diz-lhe que pode desonrar Cesar em troca de paz entre as famílias. Eli pergunta se Pedro está disposto a repor a sua torre de petróleo. Pedro, em troca, pergunta-lhe se Eli vai substituir Armando, uma vez que está morto.  Seguem caminhos separados, sem chegar a uma solução.

Jeannie vê Pete a sair de casa com um rato de comida. Pete brinca com Jeannie sobre futuros pretendentes. Jeannie declara que irá alvejar todos os pretendentes que se aproximarem dela.

SON_102_VR_0714_0094-RT

Pete dá a Cesar comida e pergunta-lhe sobre a história da família. Cesar diz que o pai foi morto por um crime que não cometeu, somente por ser mexicano. Pete mostra compaixão.

Maria tenta confortar Ana sobr eo desaparecimento de Cesar. Ana diz-lhe que sabia das atividades rebeldes de Cesar e acha que ele está morto.

Pete avisar Cesar que a violência irá emergir se a guerra entre etnias continuar e acrescenta que os Mexicanos só querem bom trabalho e segurança. Cesar discorda e avisa Pete de que um grupo de Patriotas Mexicanos recentemente desenharam um manifesto secreto. Ele insiste que os Mexicanos vão reclamar a sua terra aos EUA.

SON_102_VR_0722_0041-RT

Phineas informa Eli que conseguiu uma reunião com um potencial investidor em Auston – a 10 horas de caminho – na manhã seguinte.

Eli regressa ao celeiro e diz a Pete que estão sem tempo. Eli corta a orelha de Cesar e ordena saber quem é que ateou fogo ao seu petróleo. Cesar diz-lhe, mas insiste que não sabem para onde os rebeldes vão a seguir.

Em 1849, Prairie Flower bate em Eli por ter, acidentalmente, estragado uma das peles. Nessa noite Eli tenta escapar do campo dos Comanche. Toshaway apanha-o e diz-lhe que enfrente Prairie Flower.

SON_102_VR_0714_0010-RT

Fora do celeiro, Pete discute com Eli sobre a abordagem violenta e pede-lhe para não levar aquilo mais além. Eli diz que um dia Cesar pode procurar retaliação magoando Sally ou Jeannie. “Tenho a certeza que vais fazer o que é correto,” diz a Pete.

Em 1849, Prairie FlowerBate em Eli enquanto ele trabalha o couro. Eli defende-se e luta com Prairie Flower. Acaba por deixá-la sair e junta-se ao circulo dos homens Comanche, que lhe dão as boas vindas.

Nessa noite, Prairie Flower vai até ao teepee de Eli e põe-se em cima dele.

SON_102_VR_0716_0121-RT

Pete lê uma história a Jeannie e dá-lhe um beijo de boa noite. Ele vai até ao celeiro e solta Cesar.

Jeannie vê Pete a levar Cesar para o carro.

Pete leva Cesar para um rio e tira-lhe as cordas, dando-lhe instruções para ir diretamente para o México. Cesar ataca Pete. Ouve-se um tiro enquanto eles lutam. Pete vê Cesar morto.

Pete enterra Cesar no meio da noite.

SON_102_VR_0714_0125-RT

Um episódio emocionante de The Son, a nova série original do canal de televisão AMC, disponível na NOS, MEO e NOWO.

Vê também: 

– The Son – Episódio: First Son of Texas

– Acompanha a família McCullough todos os domingos, em The Son!

– Apresentamos-te o clã McCullough, a família de ‘The Son’

PARTILHAR esta página: